• EN
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
Você está em: Início > Cursos > Unidades Curriculares > MAE10102

Psicossociologia das instituições educativas

Código: MAE10102    Sigla: PIE
Área Científica: Formação Educacional Geral

Ocorrência: 2019/20 - 1S

Área de Ensino: Ciências Sociais

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular Créditos Horas Contacto Horas Totais
MAE 21 Despacho n.º 16330/2012 7 30 189

Horas Efetivamente Lecionadas

MAE

Ensino Teórico-Prático: 26,00

Docência - Horas Semanais

Ensino Teórico-Prático: 1,67

Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico-Prático Totais 1 1,67
Sonia Maria Gomes Alexandre Galinha   1,67

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Sonia Maria Gomes Alexandre Galinha Responsável

Língua de Ensino

Português

Objetivos de Aprendizagem (conhecimento, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Objetivos:
Analisar as origens do pensamento psicossociológico;
Consolidar a evolução da Psicologia Social como disciplina científica;
Compreender a Psicologia Social atual: cognição social, mecanismos de influência e processos de mudança;
Aprofundar os processos sócio-organizativos valorizando a importância dos grupos nas instituições educativas;
Consciencializar e promover a compreensão dos fenómenos de grupo;
Aprofundar conhecimentos no âmbito das teorias da motivação;
Compreender as teorias da liderança através de referência empírica integrada;
Desenvolver conhecimentos sobre a cultura e o clima organizacional;
Localizar os novos desafios da sociedade do conhecimento;
Relacionar os dispositivos pedagógicos de formação, os conceitos de intervenção e mudança, a comunicação e a instituição - relações hierárquicas, dinâmicas internas e contextos, práticas instituídas, práticas ocultas e vivências;
Debater a temática das instituições educativas, merecendo atenção a Escola como terreno intervenção psicossociológico;
Perspetivar e desenvolver competências mobilizadoras de construção do conhecimento no campo da Administração Educacional.

Conteúdos programáticos

I - Introdução à Psicossociologia das Organizações
II - Processos pessoais e interpessoais
III - Mecanismos de influência, processos de mudança e negociação
IV- A Escola enquanto terreno de intervenção psicossociológica
V- Motivação, comportamento organizacional e conceções de natureza humana
VI - Liderança, Cultura e Clima Organizacional
VII - Modelo Apreciativo nas instituições educativas e bem- estar social
VIII - Questões emergentes na Sociedade do Conhecimento

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

No campo da Administração Educacional, e concretamente no âmbito dos temas que incluem os processos pessoais e interpessoais no terreno psicossociologico educativo, considera-se fulcral debater os mecanismos de influência social, processos de mudança e negociação, a escola enquanto terreno de intervenção psicossociológica, a Motivação, comportamento organizacional e conceções de natureza humana, a Liderança, Cultura e Clima Organizacional, o Modelo Apreciativo nas instituições educativas e bem- estar social associado às Questões emergentes na Sociedade do Conhecimento. Assim, projeta esta UC sobretudo e como objetivo final, no ramo das Ciências da Educação, debater a temática das instituições educativas, passando ativamente por: Analisar as origens do pensamento psicossociológico; Consolidar a evolução da Psicologia Social como disciplina científica; Compreender a Psicologia Social atual: cognição social, mecanismos de influência e processos de mudança; Aprofundar os processos sócio-organizativos valorizando a importância dos grupos nas instituições educativas; Consciencializar e promover a compreensão dos fenómenos de grupo; Aprofundar conhecimentos no âmbito das teorias da motivação; Compreender as teorias da liderança através de referência empírica integrada;
Desenvolver conhecimentos sobre a cultura e o clima organizacional; Localizar os novos desafios da sociedade do conhecimento; Relacionar os dispositivos pedagógicos de formação, os conceitos de intervenção e mudança, a comunicação e a instituição - relações hierárquicas, dinâmicas internas e contextos, práticas instituídas, práticas ocultas e vivências.

Metodologia de Ensino (Avaliação incluída)

25 h tempos sincronos e assincronos; TP: Avaliação Continua Individual: a) Participação sessões e nos debates/ fóruns. Critérios de Avaliação: Numero de participacoes, Pertinencia global. Correta definicão e explicitacão dos conceitos mobilizados; Qualidade e diversidade global dos argumentos utilizados nas participacoes; Recurso a bibliografia relevante. (20%); b) Elaboração do trabalho escrito/ portfolio, de natureza principalmente teórica debruçando-se sobre os temas trabalhados no âmbito da UC. Critérios de Avaliação: Rigor conceptual; Capacidade de síntese; Capacidade de problematização; referências bibliográficas a partir de fontes científicas diversificadas segundo as normas APA. Máximo de 6000 caracteres. (50%); c) Reflexões no âmbito da Psicossociologia das Instituições Educativas articulando referências teóricas adequadas, segundo as normas APA. Critérios: Rigor conceptual e transferência para a prática profissional. Máximo 3000 caracteres. (30%). Avaliação por exame: 100%


Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

Numa metodologia ativa, baseada na leitura de documentos e discussão avançada com revisitação de autores, visa a UC disponibilizar um espaço de concretização dos objetivos, no sentido do alcance dos mesmos por parte dos formandos/ mestrandos: atraves das partilhas nos foruns tematicos (5) - participação apresentação de uma reflexão individual e elaboração de trabalhos no campo da Administração Educacional.

Bibliografia de consulta (existência obrigatória)

1. Álvaro, J. L. & Garrido, A. (2006). Psicologia Social - perspetivas psicológicas e sociológicas. S. Paulo: McGraw Hill.
2. Cunha, M.P.; Rego, A; Campos e Cunha, R. & Cabral-Cardoso, C. (2007). Manual de Comportamento Organizacional e Gestão. Lisboa: Editora Rh, 6ªed.
3. Ferreira, J.; Neves, J.; Caetano (2001). Manual de Psicossociologia das Organizações. Lisboa: McGraw Hill.
4. Sousa, F. A. (2006). O Comportamento nas Organizações. Lisboa: Verbo.
5. Vala, J. & Monteiro, M. B. (2003). Psicologia Social. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.

6. Yzerbyt, V. & Leyens J. F. (2018). Psicologia Social. Lisboa Edições 70.





Observações (Esta área destina-se ao período transitório e de exceção de resposta à pandemia da COVID19)

Na sequência da suspensão das atividades letivas e não letivas com presença de estudantes em todas as instituições de Ensino Superior iniciada no dia 16 de março de 2020, no âmbito das medidas extraordinárias e de caráter urgente do Governo em resposta à situação epidemiológica do novo coronavírus/Covid-19, reavaliada a 9 de abril e com base no deliberado pelo despacho nº 82/2020, de 11 de março, e pelo despacho n.º 115/2020, de 9 de abril, do Sr. Presidente Interino do Instituto Politécnico de Santarém, esclarece-se que a unidade curricular passou a funcionar num processo de ensino-aprendizagem a distância desde essa data e até final do período letivo de 2.º semestre, sendo assegurada a interação entre estudantes e docentes por via digital, suportada por diferentes ferramentas. Neste contexto, o docente procede às adaptações necessárias no que respeita a metodologia, incluindo a avaliação, sendo estas integradas na FUC e explicitadas com os estudantes.