• EN
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
Você está em: Início > Cursos > Unidades Curriculares > MAE10103

Desenvolvimento e gestão do currículo e processos de supervisão

Código: MAE10103    Sigla: DGCPS
Área Científica: Formação Educacional Geral

Ocorrência: 2019/20 - 1S

Área de Ensino: Educação e Currículo

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular Créditos Horas Contacto Horas Totais
MAE 21 Despacho n.º 16330/2012 7 30 189

Horas Efetivamente Lecionadas

MAE

Ensino Teórico-Prático: 23,00

Docência - Horas Semanais

Ensino Teórico-Prático: 1,67

Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico-Prático Totais 1 1,67
Carla Patrícia Martins Gonçalves   1,67

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Maria Joao Cardona Correia Antunes Responsável
Carla Patrícia Martins Gonçalves Responsável

Língua de Ensino

Português

Objetivos de Aprendizagem (conhecimento, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Em consonância com o diploma que define o regime jurídico da formação de professores, os conteúdos e competências de Gestão Curricular e Ética Profissional são essenciais para que o futuro docente ou técnico de educação possam reflectir sobre as boas e as más práticas desenvolvidas ao longo do tempo, possam desenvolver práticas inovadoras de construção e gestão curricular e possam desenvolver-se profissionalmente de forma crítica e integrada. São definidos os seguintes objetivos: 1) Conhece conceitos básicos de desenvolvimento curricular; 2) Conhece conceitos básicos de deontologia e ética profissional; 3) Distingue vários tipos de planos curriculares em função da sequência temporal e da sua especificidade; 4) Sabe definir objetivos gerais e específicos; 5) Distingue objetivos de estratégias e estratégias de atividades; 6) Distingue avaliação diagnóstica, avaliação formativa e avaliação sumativa; 7) Distingue diferentes tipos de itens de testes; 8) Distingue diferentes metodologias de avaliação da aprendizagem; 9) Identifica dilemas éticos na profissão docente; 10) Conhece os direitos e os deveres da profissão docente; 11) Conhece e caracteriza práticas de supervisão; 12) Perspetiva práticas de supervisão compatíveis com modelos de formação; 13) Assume uma perspetiva crítica face a estratégias, métodos e técnicas de formação.

Conteúdos programáticos

Currículo explícito
Currículo escondido
Currículo formal
Currículo informal
Estratégias para a mudança curricular
Planeamento curricular
-Projecto curricular de escola
-Projecto curricular de turma
-O plano curricular do professor
Avaliação, controlo e prestação de contas
Conhecimento e currículo
-A natureza problemática do conhecimento humano
-Teorias absolutistas
-Crítica das teorias absolutistas
-Currículo como conteúdo
-Educação como transmissão
-Currículo como produto
-O modelo combinado: ensino para a mestria
Currículo como processo e desenvolvimento
-Currículo como processo
-Currículo e diferenciação
Educação como desenvolvimento
-¿empowerment¿
-Abordagem centro-periferia
-Mudar o curriculum através do controlo central
-Abordagem da base para o topo
-O professor como construtor do curriculum
-O professor como gestor do curriculum
-O professor como executante do curriculum
Argumentos a favor do curriculum nacional
Argumentos a favor das componentes locais do curriculum
O curriculum e os valores
-Abordagens e metodologias
Planificação e avaliação em contexto de sala de aula
-Selecção e formulação de objectivos
-Classificação de objectivos
-Hierarquias e prioridades de aprendizagem
-Tipos de pergunta
-Tipos de avaliação
-Testes de conhecimentos
-Estratégias e atividades de ensino
Supervisão e aprendizagem: cultura organizacional e desenvolvimento profissional
- Modelos de supervisão
- Cenários de supervisão
- Dimensão ética da intervenção do supervisor
Métodos e técnicas de formação de professores
- Avaliação de necessidades de formação e planeamento
- Observação como estratégia de formação
- Reflexão crítica no desenvolvimento profissional
- Supervisão e orientação para o desenvolvimento profissional

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

A metodologia de trabalho orienta-se para a promoção de aprendizagens experienciais e estímulo de competências de observação e reflexão sobre essas experiências, de modo a conceptualizar com base nelas. Assenta numa interação entre a reflexão sobre situações de prática docente e aprofundamento teórico. No âmbito das medidas de exceção foram introduzidas alterações nas metodologias de ensino e de avaliação: aulas a distância, modo síncrono e assíncrono, ministradas através das plataformas digitais Colibri/Zoom e Moodle. Prevêem-se as seguintes modalidades de trabalho: exposições curtas, trabalhos práticos, pesquisa bibliográfica e debates. Critérios: Rigor conceptual; Capacidade de síntese; Capacidade de problematização; referências bibliográficas rigorosas e atuais. Instrumentos: Trabalhos ao longo da UC (20%); Uma ficha de leitura crítica sobre um documento de gestão curricular e outra sobre uma situação de supervisão (Máximo de 3500 caracteres com espaços). Ponderação de 40% cada.

Metodologia de Ensino (Avaliação incluída)

A metodologia de trabalho orienta-se para a promoção de aprendizagens experienciais e estímulo de competências de observação e reflexão sobre essas experiências, de modo a conceptualizar com base nelas. Assenta numa interação entre a reflexão sobre situações de prática docente e aprofundamento teórico. No âmbito das medidas de exceção foram introduzidas alterações nas metodologias de ensino e de avaliação: aulas a distância, modo síncrono e assíncrono, ministradas através das plataformas digitais Colibri/Zoom e Moodle. Prevêem-se as seguintes modalidades de trabalho: exposições curtas, trabalhos práticos, pesquisa bibliográfica e debates. Critérios: Rigor conceptual; Capacidade de síntese; Capacidade de problematização; referências bibliográficas rigorosas e atuais. Instrumentos: Trabalhos ao longo da UC (20%); Uma ficha de leitura crítica sobre um documento de gestão curricular e outra sobre uma situação de supervisão (Máximo de 3500 caracteres com espaços). Ponderação de 40% cada.


Bibliografia de consulta (existência obrigatória)

Alarcão, I. (2001). Do olhar supervisivo ao olhar sobre a supervisão. In M. Rangle (Org.), Supervisão Pedagógica: Princípios e Práticas (pp. 11-55). Campinas: Papirus.
Alarcão, I., & Tavares, J. (2010). Supervisão da Prática Pedagógica ¿ Uma Perspectiva de Desenvolvimento e Aprendizagem. Coimbra: Almedina. [2.ª Reimpressão da 2ª Edição (revista e atualizada) de Janeiro/2003]
Apple, M. (1997). Os Professores e o Currículo: Abordagens Sociológicas. Lisboa: Educa
Gimeno Sacristan, J. (1994). El Curriculum: Una Reflexion sobre la Práctica. Madrid: Morata
Kelly, V. (2005). Curriculum: Theory and Practice. Londres: Sage Publications
Marques, R. (2003). Valores éticos e cidadania na escola. Lisboa: Editorial Presença
Marques, R. (2007). A cidadania na Escola. Lisboa: Livros Horizonte
Marques, R. (2000). Breve História da Ética Ocidental. Lisboa: Plátano Editora
Marques, R. (2000). O Livro das virtudes de sempre. Porto: Edições Asa
Marques, R. (2014). Apontamentos de Planificação e Avaliação. Lisboa: Bubok
Pacheco, J. (1996). Currículo: Teoria e Prática. Porto: Porto Editora.
Perrenoud, P., Paquay, L., Altet, M., & Charlier, É. (Eds.) (2001). Formando professores profissionais: quais estratégias? quais competências? (2ª ed.). S. Paulo: Artmed.
Quintana Cabanas, J. (2007). Eduquemos mejor. Madrid: Editorial CCS.

Observações (Esta área destina-se ao período transitório e de exceção de resposta à pandemia da COVID19)

Na sequência da suspensão das atividades letivas e não letivas com presença de estudantes em todas as instituições de Ensino Superior iniciada no dia 16 de março de 2020, no âmbito das medidas extraordinárias e de caráter urgente do Governo em resposta à situação epidemiológica do novo coronavírus/Covid-19, reavaliada a 9 de abril e com base no deliberado pelo despacho nº 82/2020, de 11 de março, e pelo despacho n.º 115/2020, de 9 de abril, do Sr. Presidente Interino do Instituto Politécnico de Santarém, esclarece-se que a unidade curricular passou a funcionar num processo de ensino-aprendizagem a distância desde essa data e até final do período letivo de 2.º semestre, sendo assegurada a interação entre estudantes e docentes por via digital, suportada por diferentes ferramentas. Neste contexto, o docente procede às adaptações necessárias no que respeita a metodologia, incluindo a avaliação, sendo estas integradas na FUC e explicitadas com os estudantes.